Cursos

Gastronomia Brasileira: a busca das raizes da cozinha do interior do Brasil

  • Lato Sensu
  • 20 x R$ 712,50 *
  • 24 meses / 400 horas - De 07/04/18 à 07/04/20
  • Aos sábados, das 8h às 12h e das 13h às 17h
  • Unidade Itatiaia
  • 30
  • * BOLSA PARCIAL DE PONTUALIDADE: O aluno da pós-graduação poderá desfrutar de bolsa parcial de pontualidade para pagamento efetuado até o dia 2 de cada mês. Cada aluno poderá acumular até 2 descontos, sendo 1 de pontualidade e mais outro. Ex- alunos tem 30% de bolsa parcial(o desconto não é válido para o primeiro pagamento). Consulte-nos sobre o valor do seu curso de interesse. Confira aqui.
Faça sua matrícula

Objetivo

Formar profissionais na área de gastronomia com ênfase na identidade regional permitindo a aplicabilidade efetiva
da teoria nas necessidades práticas de cada um.
Retomar e potencializar o reconhecimento do pertencimento do discente à condição de brasileiro do interior do
Brasil.
Capacitar os discentes para o manuseio das principais técnicas gastronômicas tradicionais e permitir que possam
se apoderar das mais inovadoras técnicas e tendências mundiais.
Planejar cardápios e harmonização, juntamente com a arte de combinar as várias bebidas produzidas na região,
incluindo a cerveja e a cachaça.
Capacitar os discentes para que valorizem principalmente os arranjos produtivos locais e regionais, incluindo
produtores e distribuidores de matérias primas importantes para o segmento de alimentação fora do lar.

Público Alvo

Graduados no ensino superior portador, preferencialmente de diploma nas áreas de gastronomia, turismo, hotelaria
e nutrição, mas aberto ao público portador de diploma do ensino superior.

Pré-requisito

Possuir diploma de nível superior ou certificado de conclusão de curso.

Programa do curso

Cozinha Regional Européia e a gastronomia brasileira: Abordagem teórica – 8h
Geografia dos Sabores Brasileiros – 8h
Cozinha Regional Africana  e Cozinha Regional Indígena e a gastronomia brasileira: Abordagem teórica – 8h
Tendências Gastronômicas Modernas no Brasil e no Mundo – 14h
A construção da identidade gastronômica regional do Brasil – 18h 
A produção de cervejas artesanais brasileiras – 16h 
A cachaça Brasileira – 24h
A produção rural e a gastronomia no Brasil – 24h
A produção dos licores e demais bebidas regionais brasileiras – 16h
Técnicas de Gastronomia Modernista aplicada à gastronomia brasileira: Módulo Sous Vide – 8h
Cozinha Regional Brasileira: O Sertão nordestino – 26h
Cozinha Regional Brasileira: As cozinhas do Centro Sul – 20h
Cozinha Regional Brasileira: A cozinha ribeirinha e da floresta Amazônica  – 20h
Técnicas de Gastronomia Modernista: Módulo de cozinha molecular – 16h 
Higiene e segurança em gastronomia brasileira – 16h
Gestão, finanças e controladoria em Gastronomia – 16h
Planejamento de Cardápios e Harmonização – 16h
Cozinhas Sustentáveis – 20h
Marketing e qualidade dos serviços em Gastronomia – 16h
Arquitetura para cozinhas profissionais – 16h
Turismo e Hospitalidade na Gastronomia – 20h
Metodologia científica 24h
O processo industrial e a cozinha regional do Brasil – 22h
Doçaria Brasileira – 8h

Diferencial

O principal diferencial do curso diz respeito ao fato do mesmo se debruçar sobre a investigação sobre os
ingredientes, práticas, métodos de preparação de alimentos no interior de nosso país. Assim, o que se busca com o
curso é dar relevo aos ingredientes brasileiros e as práticas tradicionais de preparação dos mesmos de sorte que
seja possível apreender a brasilidade na nova gastronomia praticada em nosso pais. Ganham destaque as cozinhas
Caipira de Minas Gerais e São Paulo, Ribeirinha do Amazonas e Pará, Pantaneira do Mato Grosso e Mato Grosso
do Sul, Sertaneja da Caatinga e do Agreste Brasileiro. O milho, a mandioca, os peixes de rios, os vegetais típicos
das várias regiões são colocados no lugar que lhes é de direito na nova gastronomia praticada no Brasil.
O segundo diferencial diz respeito ao fato de a maioria do quadro docente ser composto, por profissionais com
formação acadêmica em nível de mestrado e doutorado e com grande experiência na docência. No caso das
disciplinas práticas, além da docência, os profissionais ainda contam com vasta experiência no mercado de
trabalho, enriquecendo as aulas com exemplos práticos do cotidiano de quem trabalha com alimentação fora do lar.
Os alunos, regularmente matriculados, também receberão, para as aulas práticas nas cozinhas/laboratórios:
Dolmã(jaqueta de cozinheiro), Avental e Toc (Chapéu de cozinheiro).

Coordenação

Graziele Alves de Souza Morelli – Mestre(a)

Corpo docente

Francisco G. Soares Oliveira – Especialista 
Solange Aparecida Esteves – Mestre(a)
Antonio Aparecido de Souza – Mestre(a)
Maria Paula Freitas Galvão Cesar – Mestre(a)
Nainôra Maria B. de Freitas – Doutor(a)
Eduardo Garbes Cicconi – Doutor(a)
Marina Zanin Sacoman Bettiol – Mestre(a)
Graziele Alves de Souza Morelli – Mestre(a)
Cyro Durigan – Mestre(a)
Carolina Corrêa Coelho Médico – Especialista
Sabrina Galli – Especialista
Kátia Regina Gamero – Especialista
Ademar Menezes Junior – Mestre(a)
Zenir Aparecida Dalla Costa de Melo Ferreira- Especialista
Edson Salerno Junior – Mestre(a)
Fernando Spitzer Di Serio – Especialista
Mariana Maffeis Cussiol Morandini – Especialista
Ricardo Frugoli – Doutor(a)Dilan Lopes Carvalho – Especialista