Blog da Pós

5 benefícios indiscutíveis da tecnologia na educação

5 benefícios indiscutíveis da tecnologia na educação

Há poucos anos, a entrada da tecnologia na sala de aula era uma questão de escolha e debate. Hoje, sabemos que esse avanço é um imperativo: a sala está cada vez mais tecnológica.

Se nem todos os docentes são entusiastas da tecnologia nas instituições de ensino, os alunos o são — e quem enfrenta salas lotadas de smartphones diariamente sabe que não se pode vencê-la.

Seguindo o ditado, é preciso se unir à tecnologia, fazendo dela uma aliada. Em geral, a mudança acelerada é a causa do receio que alguns têm em relação a essa novidade. Mas saiba que a tecnologia não surgiu do nada e nem substitui tudo!

Na educação, ela soma ao que se produz de mais benéfico. Veja no artigo de hoje como a tecnologia ajudará na transformação social, na aprendizagem e muito mais!

1. O que é a tecnologia na educação?

Antes de começar, vamos a uma breve definição. É comum ouvir sobre o “ensino do passado”, quando em geral se critica escolas e alunos “modernos”. Diversas formas de tecnologia têm sido usadas na educação há tempos. Exemplos disso são os próprios currículos e livros didáticos.

Pensar assim ajuda a rever a separação entre “ensino tradicional” e “ensino moderno”.

2. Maior e melhor aprendizagem

Um exemplo de como a tecnologia pode ser agregadora é a pedagogia de Jean Piaget. A interação tem um papel prioritário no seu pensamento: segundo ele, o conhecimento só é apropriado quando há interação e atividade. 

A questão da interação e atividade já é antiga na pedagogia. O aluno passivo, que só copia, é trocado pelo inventivo e interativo não só em Piaget, mas também no pensamento de Vigostsky. Pesquisadores da aprendizagem, eles apontaram o caminho!

A tecnologia agora segue esse caminho, desenvolvendo soluções para aumentar a aprendizagem. Exemplos disso são os aplicativos educativos interativos e o ensino híbrido, muito usado na educação a distância (EaD).

3. Valorização do aluno

Outra discussão antiga da pedagogia é sobre a valorização do indivíduo na escola. Sempre se questionou o quanto a escola ignora a particularidade de cada aluno, seus desejos e autoconhecimento. E a pedagogia humanista levantou essas questões!

Com a tecnologia, a personalização do ensino se tornou possível. Aplicativos ajudam a personalizar planos de estudo e acompanhar o desenvolvimento individual, por exemplo.

4. Valorização do professor

As tarefas administrativas e burocráticas consomem um tempo significativo dos professores. Somadas a atividades como planejamento e preparo, não é de se espantar que, no Brasil, os docentes trabalhem muito mais tempo fora da sala de aula do que em outros países.

A tecnologia ajuda aqui otimizando o tempo. É vital o preparo da aula e o planejamento do ensino de forma criteriosa, mas, ao contar com a ajuda de aplicativos, é possível economizar muito tempo de trabalho.

5. Transformação social

Grande parte das iniciativas atuais de transformação social usa a tecnologia para ampliar o acesso à educação. Assim, os avanços tenológicos incentivam a educação transformadora.

Há iniciativas como a da UNESCO, além de projetos incríveis como o G Suite for Education.

Ainda tem dúvidas ou receios sobre o uso da tecnologia na educação? Deixe um comentário no post e conte seu ponto de vista pra gente: conversando, sempre teremos algo novo a aprender!